TCE protocola justificativa de incidente de falsidade no TRE e diz que 'havia erro nos dados do Sagres'


O Tribunal de Contas do Estado (TCE) protocolou no Tribunal Regional Eleitoral (TRE), a resposta do Tribunal de Contas sobre o pedido de incidente de falsidade impetrado pela assessoria jurídica do governador Ricardo Coutinho (PSB).
O relator, desembargador José Aurélio, havia acatado o pedido de incidente de falsidade impetrado pela assessoria jurídica do governador e de imediato suspendeu o processo principal. O TCE tinha 10 dias para prestar os esclarecimento, mas já protocolou nesta quinta-feira (10) no TRE, sua resposta bem antes do prazo.

A justificativa já está com o relator do processo. O procurador do Ministério Público de Contas, Bradson Tibério Luna Camelo, afirmou que o TCE lida com informações que tem no Sagres (principais informações relativas a administração pública fornecida por seus respectivos gestores), produzidas pelo próprio gestor, o governo e repassa para o TRE. Os dados do Sagres não estavam adequados, havia erro do governo ao alocar aposentados e inativos como efeitivos, justifica.





PB.com
Compartilhar Google Plus

Autor Radio Cenecista Picui PB

Postar um comentário