Polícia desarticula rinha de galos e multa apostadores em R$ 19 mil

A Polícia Militar desarticulou, nesse fim de semana, uma rinha de galos na cidade de Rio Tinto e conduziu 14 pessoas até a Delegacia da Polícia Civil, em Mamanguape, onde foram autuadas por maus tratos a animais. No local, foram resgatados 38 galos que participavam dos combates promovidos pelos apostadores.
Na ação, que aconteceu em conjunto entre policiais da 2ª Companhia Independente e Batalhão de Polícia Ambiental, foram aplicados R$ 19 mil em multas aos suspeitos.
Uma das pessoas encontradas na rinha foi Osvaldo Carneiro de Souza, de 52 anos. Após consulta ao nome dele, os policiais descobriram que o acusado estava com um mandado de prisão em aberto por crime de homicídio, ocorrido na cidade de João Pessoa.
De acordo com o comandante da 2ª Companhia Independente, capitão Alberto Filho, os policiais chegaram até o local, que fica na Aldeia Jaraguá, através de informações levantadas pelo Núcleo de Inteligência da companhia. “É mais uma rinha de galos desarticulada na região, com apoio fundamental do Batalhão Ambiental, o que resulta em uma ação de combate aos maus tratos que os animais estavam sofrendo”, disse.
MaisPB
Compartilhar Google Plus

Autor Radio Cenecista - FM 89.9 Picui PB

Postar um comentário