Sequestro em hotel termina com 5 estrangeiros livres e 12 mortos


Pelo menos quatro estrangeiros foram libertados na madrugada deste sábado (8) pelas forças especiais de Mali em um hotel na cidade de Mopti, no centro do país, onde estavam retidos desde sexta-feira (7) por um grupo supostamente jihadista.
Segundo informaram à Agência Efe fontes de segurança, trata-se de um cidadão russo e de três sul-africanos que se somam ao ucraniano que tinha conseguido escapar do Hotel Byblos, no bairro residencial de Sévaré, situado na periferia de Mopti.
Mesmo com a libertação dos reféns, as forças especiais continuam sua operação na região para averiguar a procedência e identidade dos sequestradores.
Um total de 12 pessoas morreu desde o início do ataque, entre elas quatro terroristas, cinco soldados malineses, dois funcionários do hotel e um membro da Missão da ONU no Mali (Minusma).
Segundo as fontes de segurança, sete pessoas foram detidas.
O ataque ao Hotel Byblos, onde se aloja parte do pessoal da Minusma, começou na sexta de manhã, quando foi invadido por um grupo de desconhecidos causando pânico entre os hóspedes. Até o momento, nenhum grupo reivindicou a autoria do ataque.


G1 
Compartilhar Google Plus

Autor Radio Cenecista - FM 89.9 Picui PB

Postar um comentário