Estadão repercute divergência de Ricardo com PSB nacional

Ricardo e Dilma
O posicionamento contrário do governador Ricardo Coutinho (PSB) ao pedido de impeachment da presidente Dilma Rousseff voltou a chamar a atenção jornal ‘O Estado de São Paulo’.
Na matéria, o Estadão repercute a divisão no PSB sobre o assunto. Enquanto a bancada do partido na Câmara Federal defende  a saída de Dilma do cargo, os governadores da legenda querem sua permanência.
Na sua fala, Ricardo Coutinho faz crítica ao PSB e a oposição no Congresso Nacional.
“O PSB, como os demais partidos do Brasil, passa por uma crise de rumo”, afirmou o governador.
Para o socialista, oposição ao governo federal também precisa construir um norte.
“A população não reconhece a devida legitimidade na oposição”, destacou.
MaisPB
Compartilhar Google Plus

Autor Radio Cenecista - FM 89.9 Picui PB

Postar um comentário