Prefeito da Paraíba é detido pela PF por suposto esquema em obras


A Polícia Federal, em parceria com o Ministério Público Federal (MPF), deflagrou, na manhã desta terça-feira (28), a segunda fase da ‘Operação Desumanidade’, nas cidades de João Pessoa, Patos, Emas, Quixaba e São José de Espinharas.
A operação, iniciada em dezembro do ano passado, investiga um suposto esquema de desvio de recursos públicos em obras na região do Sertão.
Foram cumpridos 14 mandados de condução coercitiva e três de prisão preventiva. Entre os mandados de condução coercitiva está o de um prefeito da região de Patos. Ele foi levado para prestar depoimento na sede da PF em Patos.
Segundo a denúncia do PMPF, o esquema que envolve gestores públicos e empresas da construção civil desvia recursos de obras nas áreas de Saúde e Educação.
MaisPB
Compartilhar Google Plus

Autor Radio Cenecista - FM 89.9 Picui PB

Postar um comentário