Encontro da água da transposição do Rio São Francisco com a do açude Epitácio Pessoa ocorre 41 dias após

O encontro entre a água do Rio São Francisco com a o atual espelho d’água do açude Epitácio Pessoa, em Boqueirão, a 185 km de João Pessoa, aconteceu às 20h desta terça-feira (18). A informação foi confirmada à redação do Portal Correio pelo diretor-presidente da Agência Executiva de Gestão das Águas da Paraíba (Aesa), João Fernandes.


A estimativa inicial da Aesa era de que o encontro das águas acontecesse 45 dias depois de aberta a comporta para o Rio Paraíba, em Monteiro, no Cariri, a 305 km da Capital, mas acabou ocorrendo em um tempo mais curto, após 41 dias. A comporta foi acionada no dia 10 de março pelo presidente da República Michel Temer. 

“A vazão da água que está chegando ainda será medida. Nesta terça fizemos medições em Monteiro, que apresentou 7,7 metros cúbicos por segundo, em Poções (7,4 m³/s) e em Camalaú (7,3 m³/s). No açude de Boqueirão vamos marcar dois ou três pontos estratégicos para medir a vazão”, contou João Fernandes.

De acordo com o diretor-presidente da Aesa, só após se calcular a vazão que chega a Boqueirão será possível fazer uma estimativa de data para a sangria do reservatório e a continuação do trajeto da água pelo território paraibano.

Portal Correio com blognp
Compartilhar Google Plus

Autor Radio Cenecista - FM 89.9 Picui PB

Postar um comentário