Aesa registra chuvas em 49 cidades e Catingueira tem maior quantidade

A Agência Executiva de Gestão das Águas do Estado (Aesa) registrou chuvas em 49 cidades entre as manhãs de domingo (18) e desta segunda-feira (19). O município de Catingueira, localizado no sertão paraibano, recebeu a maior pluviometria neste período: 150,8mm. A previsão é de que o tempo permaneça instável e durante a noite podem ocorrer chuvas isoladas em todo o estado.
De acordo com o setor de Monitoramento e
Hidrometria da Aesa, o tempo ficou instável por causa da atuação da Zona de Convergência Intertropical (ZCIT), que é considerado o principal sistema meteorológico para geração de chuvas no semiárido nordestino. “As maiores precipitações ocorreram no Cariri, Sertão e Alto Sertão. Algumas cidades que ficam nestas regiões já receberam quantidades de chuvas acima da média histórica”, observou a meteorologista do Governo do Estado, Marle Bandeira.
Além de Catingueira, no domingo (18) também choveu forte em Matureia (133,5mm), Mãe D`Água (105mm),Teixeira (93,4mm) e São José do Bonfim (85,5mm). Já o ranking das cidades onde mais choveu este ano tem Cajazeiras (263,5mm) na liderança. Seguida por Igaracy (240,8mm), Cachoeira dos Índios (221,7mm), São Domingos (217,9mm) e Bom Jesus (206,5mm).
Apesar das chuvas a situação dos açudes monitorados pela Aesa ainda é preocupante. Dos 127 monitorados, 62 estão com menos de 5% do volume total. Outros 34 têm menos de 20% e 29 reservatórios possuem capacidade superior a 20%. Apenas dois estão sangrando: Olho d’ Água, na cidade de Mari, e São José II, em Monteiro.


Trimestre – Técnicos da Aesa participarão da 2ª Reunião de Análise Climática para o Semiárido do Nordeste Brasileiro, que começa terça-feira (20) em Natal (RN). Durante o encontro 20 meteorologistas de vários Estados analisarão as condições oceânico-atmosféricas e suas influências na ocorrência de chuva no período de março a maio – inverno na região. Na reunião anterior, realizada em janeiro em Fortaleza (CE), a conclusão foi de que teríamos chuvas de normal a acima do normal para o período de fevereiro a abril de 2018.
Compartilhar Google Plus

Autor Radio Cenecista Picui PB

Postar um comentário