Gesto solidário: Em Picuí, empresários distribuem uma tonelada de peixe e arroz



O milagre da solidariedade fez com que pelo menos 500 quilos de peixe e 500 quilos de arroz se multiplicassem em alimento, fé e vida para centenas de pessoas que foram beneficiadas na sexta-feira da paixão na cidade de Picuí, Seridó paraibano.

A ação que teve início as 6h30 da manhã desta sexta-feira (30), é de iniciativa privada que partiu dos empresários Elza e Sangiorge Macêdo, casal proprietário da Cerâmica Umburana, situada na comunidade rural da cidade.

Segundo Elza, a ação já acontece durante 13 anos, onde no período da semana santa, todos os funcionários da empresa são beneficiados com a distribuição de peixes, e esse ano, em gratidão à Deus pelas bençãos alcançadas, com ajuda de uma cunhada e dois funcionários que ajudaram na distribuição, expandiram as doações e abençoaram famílias carentes pelos bairros da cidade.


"Estou muito feliz. Esse é um modo de agradecermos a Deus, que mesmo diante dessa crise que enfrentamos, alcançamos a graça de estarmos com quase 70% do forno da nossa cerâmica concluso. É um investimento muito alto, e eu sempre ficava imaginando como iríamos fazer. O Senhor nos deu a resposta, nos abençoou e ele está quase pronto. Por isso e muito mais, somos gratos a Ele. Quando você acredita em Deus, Ele realiza seus sonhos. Esse ano pensamos em começar com 200 quilos de peixe e 200 quilos de arroz, mas Deus abençoou com mais do que esperávamos e pudemos fazer uma distribuição maior. Essa é uma missão que Deus colocou no meu coração" disse emocionada.
Apesar da felicidade em poder colaborar para que essas famílias tenham uma mesa farta, a empresária lamentou não poder ajudar um número maior de famílias. 

"Creio que ano que vem, Deus irá multiplicar ainda mais a quantidade de alimentos e poderemos ajudar a muito mais famílias" afirmou.

Como aconteceu em outros anos, Elza fez tudo sem grande alarde e conta que mais uma vez pôde perceber o quanto ações simples como essa são importantes para seus conterrâneos. 

“O enorme carinho, as ligações, as mensagens que recebi dessas pessoas só me dão mais forças e fazem-me ter a absoluta certeza que sempre vale a pena estender a mão para ajudar o próximo". salientou.


A Semana Santa é uma tradição religiosa que celebra a paixão, a morte e a ressurreição de Jesus Cristo. Neste período, como ensina o catolicismo, não se deve comer carne vermelha. Sendo assim, para não fugir à tradição, muitas famílias consomem apenas peixe. No entanto, há muitas famílias humildes que não dispõem de condições financeiras que possibilite a aquisição desse precioso alimento. Porém, pela fé, pessoas como Elza e Sangiorge são enviadas por Deus, fazendo com que muitas famílias carentes não deixem de participar da tradição e tenham o alimento em suas mesas. Portal Picuí Hoje.
Compartilhar Google Plus

Autor Radio Cenecista Picui PB

Postar um comentário