Três açudes ultrapassam capacidade e sangram na PB

Os açudes dos municípios de Mari, Monteiro e Araçagi sangram nesta terça-feira (6). De acordo com o presidente da Agência Executiva de Gestão das Águas (Aesa), João Fernandes, o motivo da cheia dos reservatórios são as últimas chuvas. 

“A única razão é a natureza. Só a chuva pode fazer o açude sangrar”, explica. Segundo o presidente, os três açudes costumam ter cheia em seu reservatório.

O açude Araçagi está abastecido com um volume superior à capacidade de 63 milhões de metros cúbicos, ultrapassando os 64 milhões, em um total de 101,44% do volume total.

Já o açude Olho D’água, localizado no município de Mari, concentra agora 100% da capacidade máxima de 868.320 m³. Em Monteiro, o açude São José II também sangra com volume superior ao máximo, sendo agora de 1.311.540 m³.

Segundo João Fernandes, há outros reservatórios que podem sangrar nos próximos dias, já que a previsão é de chuva. Entre os locais possíveis, estão o açude Cafundó, em Serra Grande que concentra agora 83,09% do armazenamento possível. O açude em Conde, Gramame ultrapassa os 90%. São Salvador, em Sapé, tem 87%. Vazante, em Diamante, 98%.

MaisPB
Compartilhar Google Plus

Autor Radio Cenecista Picui PB

Postar um comentário