Paralisação dos caminhoneiros chega ao terceiro dia com interdições na Paraíba

Na manhã desta quarta-feira (23), a interdição dos caminhoneiros atingiu a cidade de João Pessoa, na BR-101. No trecho próximo das Três Lagoas, na altura do bairro de Oitizeiro, os dois sentidos das vias estão bloqueados com caminhões. Apenas carros de passeio estão sendo liberados. Segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF), um local foi liberado desde noite desta terça-feira (22) e todas as interdições são parciais.

De acordo com os caminhoneiros, a categoria reivindica, principalmente, a redução no preço do óleo diesel. Além disso, pedem o aumento no valor do frete, melhorias nas condições de trabalho e a extinção do pedágio nas rodovias estaduais.

Na BR-230, em Campina Grande, o bloqueio continua. São três pontos de interdição: na entrada de Campina Grande, próximo ao posto de Santa Teresinha, e dois pontos na saída de Campina Grande em direção ao Sertão, próximo a São José da Mata e Soledade.

Em Santa Teresinha, são quase dois quilômetros de caminhões parados. No início da manhã desta quarta, um caminhoneiro colocou o veículo cruzando a rodovia e atrapalhou o fluxo de carros. A Polícia Militar esteve no local e liberou o trânsito para carros de passeios.

No Cariri paraibano, na BR-412, há dois pontos de interdição. Um no município de Boa Vista e outro no município de Monteiro.

Caminhões parados no Porto de Cabedelo
No município de Cabedelo, os caminhões ainda estão parados na manhã desta quarta-feira (23) e não há previsão para o abastecimento dos postos de combustíveis. A informação inicial dos caminhoneiros que estão local é que não haverá carregamento nesta quarta. Até o final da manhã da terça-feira, faltava algum tipo de combustível em cerca de 40% dos 117 postos de João Pessoa.

G1 PB
Compartilhar Google Plus

Autor Radio Cenecista Picui PB

Postar um comentário