Saque em dinheiro do auxílio emergencial começa dia 27 - Rádio Cenecista FM 89.9 - Site oficial
RÁDIO CENECISTA FM 89.9 - A PRIMEIRA DE PICUÍ, A PRIMEIRA DA REGIÃO

Anuncio No Post



Saque em dinheiro do auxílio emergencial começa dia 27

Compartilhar
- Benefício de R$ 600 pagos a trabalhadores de baixa renda afetados pela pandemia de coronavírus, o auxílio emergencial começará a ser sacado em dinheiro no próximo dia 27. A Caixa Econômica Federal, responsável pelos pagamentos, anunciou o novo calendário na noite dessa segunda-feira (13).
  1. Os saques ocorrerão conforme o mês de nascimento do beneficiário. As retiradas ocorrerão no dia 27 para os nascidos em janeiro e fevereiro, no dia 28 para os nascidos em março e abril, 29 para os nascidos em maio e junho, 30 para os nascidos em julho e agosto. Em maio, será a vez de os nascidos em setembro e outubro sacarem o benefício no dia 4; e os nascidos em novembro e dezembro, no dia 5. O dinheiro poderá ser retirado sem a necessidade de cartão em casas lotéricas, caso elas estejam abertas, e em caixas eletrônicos. 

A Caixa ressalta que não é necessário retirar o dinheiro porque o dinheiro depositado na poupança digital pode ser movimentado por meio do aplicativo Caixa Tem, para pagamento de boletos e contas domésticas e para transferências ilimitadas para contas da Caixa, permitindo até transferências mensais gratuitas para outros bancos nos próximos 90 dias.

Adiamento
A Caixa adiou o início do pagamento aos trabalhadores que usaram o aplicativo Caixa Auxílio Emergencial, ou o site auxilio.caixa.gov.br, para atualizarem as informações no Cadastro Único de Programas Sociais (CadÚnico) do governo federal.

Esse grupo só começará a receber o auxílio emergencial na quinta-feira (16), na mesma data em que começa o pagamento dos beneficiários do Bolsa Família.

Na semana passada, a Caixa havia anunciado que o pagamento para quem não estava inscrito no CadÚnico, mas precisou atualizar os dados, começaria nesta segunda-feira para mães solteiras e nesta terça (14) para os demais trabalhadores.

Esse contingente é composto principalmente por trabalhadores informais, microempreendedores individuais (MEI) e contribuintes individuais ou facultativos do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS).

Segundo o banco, o adiamento Ocorreu porque a Dataprev só enviará nesta terça-feira pela manhã o lote inicial de informações dos cerca de 34 milhões de brasileiros que se cadastraram ao longo dos últimos dias. 

A Caixa enviou os dados à Dataprev para verificar se os beneficiários cumpriam os critérios de elegibilidade para receberem os benefícios.

Cadastro Único
Segundo a Caixa, cerca de 2,5 milhões de pessoas receberam o auxílio emergencial na quinta-feira (9) e ontem (13), num total de R$ 1,5 bilhão. 

Esse grupo reúne trabalhadores informais e mães solteiras que estavam com as informações em dia no CadÚnico em 20 de março e que não fazem parte do Bolsa Família, mas nem todo mundo nessa categoria teve acesso ao dinheiro. 

O banco divulgou um novo calendário de pagamento da primeira parcela a esse grupo:

•        Terça-feira (14): crédito para 831.013 pessoas, das quais 273.178 com conta no Banco do Brasil e 557.835 trabalhadores nascidos em janeiro que serão pagos com poupança digital da Caixa a partir do meio-dia;

•        Quarta-feira (15): crédito pela poupança digital para 1.635.291 pessoas nascidas em fevereiro, março e abril;

•        Quinta-feira (16): crédito pela poupança digital para 2.282.321 pessoas nascidas em maio, junho, julho e agosto;

•        Sexta-feira (17): crédito pela 1.958.268 poupança digital para pessoas nascidas em setembro, outubro, novembro e dezembro

•        A segunda parcela será paga entre 27 e 30 de abril, dependendo do mês de nascimento do beneficiário.

As empresas de telefonia não podem suspender ou interromper o fornecimento dos serviços de telefonia fixa e móvel ao longo do período de emergência de saúde relativa ao novo coronavírus (covid-19). Além disso, devem restabelecer os serviços no prazo de 24 horas para os consumidores que tiverem sofrido corte por inadimplência. A Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) comunicou a todas as prestadoras (concessionárias e autorizadas) de telefonia fixa e móvel para que cumpram decisões da 12ª Vara Cível Federal de São Paulo dos dias 2 e 7 deste mês, que proíbe o corte dos serviços por falta de pagamento.

A Paraíba está com 117 casos confirmados de contaminação pelo novo coronavírus, segundo informações da Secretaria de Estado da Saúde (SES) divulgadas nesta segunda-feira (13). O número de mortes confirmadas por Covid-19 subiu para 17 no estado desde o início da pandemia.

Dos 111 casos confirmados até o domingo (12), 43 já se recuperaram, 13 morreram e 7 estão hospitalizados, 3 deles em leitos de UTI. Os demais se recuperam em isolamento domiciliar acompanhado pelas secretarias municipais de saúde. Os casos estão distribuídos em 11 municípios.

Com isso, a Paraíba tem os seguintes destaques:
  • 117 casos confirmados
  • 832 casos descartados
  • 16 mortes
  • 43 casos recuperados

Até o boletim anterior, a Paraíba contabilizava 86 casos de Covid-19 em João Pessoa, 7 em Santa Rita, 5 em Cabedelo, 4 em Patos, 3 em Campina Grande, 1 em Igaracy, 1 em Junco do Seridó, 1 em Serra Branca, 1 em Sousa, 1 em Bayeux e 1 em Sapé.

O Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) já começou a receber atestado médico pela internet, sem necessidade de perícia. O atestado pode ser enviado pelo site ou aplicativo Meu INSSA Portaria Conjunta 9.381, que permite o início do procedimento, foi publicada na última terça-feira (7) no Diário Oficial da União. Entre outras medidas, a portaria permite também a antecipação no valor de R$ 1.045 para segurados que solicitarem o auxílio-doençaA concessão se dará sem a realização de perícia médica, enquanto perdurar o regime de plantão reduzido de atendimento nas agências da Previdência Social.
Para quem já usa o aplicativo é preciso baixar a atualização. Caso não tenha o aplicativo, basta baixar. 

Uma agência bancária foi depredada na noite desta segunda-feira (13), em Bayeux, na Grande João Pessoa, depois que um homem não teria conseguido sacar dinheiro no local. Vidros e portas foram quebrados com uma marreta. De acordo com informações da Polícia Militar, testemunhas informaram que o homem entrou no local e teria surtado quando não conseguiu fazer a retirada do dinheiro. Em seguida, ele fugiu. O gerente da agência foi chamado ao local após o ocorrido.

Como medida de combate ao novo coronavírus, o Governo da Paraíba anunciou no Programa Fala Governador na CENECISTA FM DE PICUÍ e uma rede de rádio o aluguel da antiga Casa de Saúde Francisco Brasileiro, em Campina Grande, para o funcionamento do novo Hospital de Clínicas do Estado da Paraíba, que atenderá, inicialmente, pacientes com a Covid-19. Além disso, o executivo estadual anunciou a ampliação de novos leitos de Unidades de Terapia Intensiva (UTIs) e de enfermaria no Complexo Hospitalar Regional Deputado Janduhy Carneiro, no município de Patos, no Sertão, para atendimento dos casos de coronavírus na região. De acordo com o governador João Azevêdo, o novo Hospital de Clínicas do Estado da Paraíba irá oferecer 10 leitos de UTI e 110 leitos de enfermaria. “Assinamos o contrato e estamos autorizando a licitação para a recuperação daquela grande estrutura. Eu espero que brevemente, após passarmos por esse momento, possamos transformar essa unidade de Saúde em uma maternidade para a região de Campina Grande, que é carente desse atendimento”, pontuou.

Patos
Já no hospital Janduhy Carneiro, em Patos, serão instalados novos 20 leitos de UTI e 20 leitos de enfermaria. “Esses espaços serão dotados de monitores, bombas de infusão e respiradores, ou seja, o Estado está tomando todas as providências no que lhe cabe para prestar um bom serviço à população”, falou.

João Pessoa
Ainda no conjunto de investimentos urgentes no combate ao novo coronavírus, os reparos no antigo Hospital Santa Paula, em João Pessoa, locado pelo Governo do Estado para atender casos de Covid-19, deverão ser concluídos em 30 dias. A unidade hospitalar terá a capacidade de oferecer 130 leitos de enfermaria e 20 leitos de UTI.

A Agência UFPB de Inovação Tecnológica (Iova-UFPB), desenvolveu um ventilador pulmonar com custo 37 vezes abaixo do praticado no mercado. O equipamento foi produzido em 48 horas e possui tecnologia touch-screen. Produzido no fim do mês de março, o equipamento foi protocolado no dia 1º de abril no Instituto Nacional da Propriedade Industrial (INPI).
Tecnologia de ponta
O ventilador pulmonar desenvolvido na UFPB é equipado com sistema multibiométrico e tem conectividade wireless. Inclusive é possível acessá-lo, monitorá-lo e operá-lo em tempo real remotamente por meio de aplicativo em dispositivos móveis (smartphones).

O plenário da Câmara dos Deputados aprovou, por 431 votos a 70, o Projeto de Lei Complementar 149/19, substitutivo do deputado Pedro Paulo (DEM-RJ) ao projeto conhecido como Plano Mansueto, que prevê ajuda financeira da União a estados, Distrito Federal e municípios para o enfrentamento à pandemia de covid-19. O texto segue para apreciação do Senado. O projeto prevê compensar a queda de arrecadação do Imposto de Circulação, Mercadorias e Serviços (ICMS) e do Imposto sobre Serviços (ISS) de 2020 em relação ao ano passado.

- A região de Campina Grande, que corresponde a 70 municípios referenciados, por atingir 760 casos confirmados da Covid-19 até o dia 10 de maio caso o isolamento social seja flexibilizado. A declaração foi do secretário de estado da saúde, Geraldo Medeiros, nesta segunda-feira (13), em entrevista à TV Cabo Branco. Segundo ele, pessoas dos 70 municípios circulam por Campina Grande diariamente. Conforme o secretário, os dados são baseados em uma plataforma que faz um levantamento estatístico de consultoria e projeções. As fontes desse levantamento são o Ministério da Saúde e sites que mostram a curva de crescimento no número de casos confirmados, mortes, entre outros detalhes, como o Covid Trends e o Worldometer.

O plenário da Câmara dos Deputados aprovou um projeto de lei que suspende por 90 dias a inclusão de novos inscritos em serviços de proteção ao crédito como Serasa e SPC, o chamado cadastro negativo. A medida segue para análise do Senado Federal. O texto é mais uma das medidas de enfrentamento à pandemia do novo coronavírus e terá validade retroativa, a partir de 20 de março deste ano. O PL autoriza a Secretaria Nacional do Consumidor (Senacon) do Ministério da Justiça a prorrogar a suspensão das novas inscrições nos cadastros de devedores enquanto durar a emergência em saúde pública.


Moraes Moreira - Foto: Divulgação
O cantor e compositor Moraes Moreira morreu na madrugada desta segunda-feira (13) aos 72 anos no Rio de Janeiro. A causa da morte ainda não é conhecida.

 “A gente não sabe direito o que ocorreu. Nem eu, nem as irmãs sabemos”, disse Eduardo Moraes, irmão do cantor. O corpo de Moraes Moreira foi encontrado nesta manhã no apartamento em que ele morava. O artista vivia sozinho, segundo o irmão. Moraes Moreira começou tocando sanfona de doze baixos em festas de São João e outros eventos de Ituaçu. Na adolescência aprendeu a tocar violão, enquanto fazia curso de ciências em Caculé, na região sudoeste da Bahia.

Nenhum comentário:

Anuncio No Post