Servidores da UFCG encerram greve e voltam às atividades na segunda

Os servidores técnicos-administrativos da Universidade Federal de Campina Grande (UFCG) decidiram encerrar a greve da categoria que já durava 120 dias após uma assembleia realizada nesta quarta-feira (23), na sede do Sindicato dos Servidores da UFCG (Sintesuf). Os servidores aprovaram por unanimidade a proposta de finalização da greve. O retorno às atividades acontece a partir de segunda-feira (28), em todos os campi da universidade.

Segundo o presidente do Sindicato, João Luís dos Santos, a greve dos servidores não conseguiu o índice de reajuste esperado pela categoria, mas outros itens da pauta de reivindicações foram acatados pelo Governo Federal.

“Conquistamos um reajuste nos vencimentos de 10,8%, divididos nos próximos dois anos, além do reajuste nos benefícios, como o auxílio-alimentação que passará de R$ 373 para R$ 458, o plano de saúde que foi de R$ 117,78 para R$ 145 e, ainda, o auxílio-creche de R$ 73,07 para R$ 321”, contou ele.

Após a reunião, os servidores foram recebidos em audiência pelo Reitor da UFCG José Edilson de Amorim, que foi comunicado oficialmente da decisão do Sindicato dos Servidores da Universidade Federal de Campina Grande.
Na terça-feira (22), os servidores da Universidade Federal da Paraíba (UFPB) também tinham decidido por encerrar a greve e retomar as atividades na segunda-feria (28).

Greve dos professores

A Associação dos Docentes da UFCG (AdufCG) informou nesta quarta-feira (23) que os professores da instituição continuam em greve por tempo indeterminado. Entre as reivindicações estão a reposição salarial de 27,3%, melhores condições de trabalho e contra o corte no orçamento da educação. Os docentes da UFCG entraram em greve no dia 25 de junho.


G1 Paraíba
Compartilhar Google Plus

Autor Radio Cenecista - FM 89.9 Picui PB

Postar um comentário