Bolsonaro é transferido para hospital em São Paulo após ataque com faca e cirurgia em MG

"Somos mortais. A dor é insuportável e parecia que tinha algo mais grave acontecendo. Pensar que o ser humano é tão mal assim. Nunca fiz mal a ninguém", disse Bolsonaro em vídeo.
O candidato a presidente Jair Bolsonaro (PSL) deixou a Santa Casa em Juiz de Fora, Minas Gerais, e foi transferido para o Hospital Albert Einstein, em São Paulo, às 8h25 desta sexta-feira (7). A decisão de transferência foi da família do deputado federal.
Ele foi internado e passou por cirurgia na Santa Casa após ser golpeado com uma faca durante ato de campanha em Minas Gerais. O homem que cometeu o ataque foi preso pela Polícia Federal.
Diante de seu quadro de saúde, o candidato Jair Bolsonaro (PSL) vai ficar afastado da campanha eleitoral, sem previsão de voltar às ruas no curto prazo. Em um pronunciamento nas redes sociais, o presidente nacional do PSL, Gustavo Bebianno, convocou os seguidores a rezarem por Bolsonaro. “Hoje as eleições não importam. Você que está preocupado com a saúde do nosso capitão não se deixe esmorecer”, apelou.
Suspeito de atacar o candidato à Presidência da República Jair Bolsonaro, durante um ato de campanha em Juiz de Fora (MG), Adelio Bispo de Oliveira, de 40 anos, já tinha sido acusado pelo crime de lesão corporal, segundo a Polícia Militar de Minas Gerais (MG). O boletim de ocorrência em que Oliveira é acusado de atentar contra a integridade física de outras pessoas é de 2013. O homem foi detido logo após o ataque e encaminhado à Delegacia da Polícia Federal em Juiz de Fora (MG), onde prestou depoimento.
Compartilhar Google Plus

Autor Radio Cenecista - FM 89.9 Picui PB

Postar um comentário