Assassinato de jornalista que denunciava corrupção ganha repercussão internacional


O assassinato do jornalista Gleydon Carvalho, em Camocim-CE, tem provocado a reação forte de entidades nacionais e internacionais que defendem a liberdade de imprensa.
O jornal espanhol El País entrou em contato com técnicos de Gleydson que informavam que dele denunciava os corruptos e não tinha medo de nada. O El País lembra ainda que o Brasil é terceiro país mais perigoso da América Latinapara os jornalistas, perdendo apenas para México e Colômbia.
Gleyson foi baleado na cabeça por volta das 12:45h de quinta-feira (06), dentro do estúdio, enquanto comandava seu programa na Rádio Liberdade. Os dois assassinos chegaram de moto e invadiram a rádio.





180 Graus 
Compartilhar Google Plus

Autor Radio Cenecista - FM 89.9 Picui PB

Postar um comentário